Sobre a ESPAV

 

 

A ESPAV foi fundada em 1965, em edifício próprio com projeto do arquiteto Ruy Athouguia (responsável pelos projetos de arquitetura do bairro de Alvalade e da Gulbenkian, por exemplo) .

Inicialmente destinada a ser um liceu masculino, assim funcionou até ao 25 de Abril de 1974, tendo passado, a partir dessa data, a escola secundária. Os registos do início da vida da escola mostram um edifício implementado num espaço bastante despido, situado na periferia do bairro de Alvalade.

A população escolar - dimensionada de início em cerca de 700 alunos - tem variado bastante ao longo dos anos, com um máximo de 2000 alunos nos anos 80/90, baixando em finais de 90 para cerca de 500. Atualmente, a ESPAV costuma ter entre 1000 a 1200 alunos.

Em 2003/2004 começa um novo ciclo da vida da ESPAV - resultado da fusão com a Escola Secundária da Cidade Universitária. 

A ESPAV foi intervencionada pela Parque Escolar entre 2009 e 2011, sensivelmente, com um projeto da arquiteta Teresa Nunes da Ponte, tendo sofrido grandes melhoramentos, em termos de espaços e equipamentos.

Em julho de 2012, a ESPAV juntou-se com o antigo Agrupamento de Escolas de Alvalade e tornou-se sede do novo AEA, agora composto por quatro escolas.

Atualmente, a ESPAV leciona o 3º ciclo e o ensino secundário, entre o 7º e 12º ano, além de cursos profissionais e vocacionais (também de secundário). Com a abertura de um CQEP nas suas instalações, passou a oferecer também educação para adultos e RVCC, em horário pós-laboral.

 

 

 

 

     
  INOVAR  
  (Acesso internosó para PD/PND, dentro da ESPAV)  
  Profs | regular - interno  
  Profs | regular - externo  
  Profs | profissional - interno  
  Profs | profissional - externo  
  Alunos e EE - interno  
  Alunos e EE - externo  
     

 

Agrupamento de Escolas de Alvalade | Lisboa © 2016